Posts

Showing posts from May, 2012

Aniversário de 75 anos da Golden Gate Bridge

Image
No domingo passado a ponte mais famosa e mais fotografada do mundo completou 75 anos! Dá para acreditar?
Na televisão passou vários documentários sobre a ponte e na cidade claro, teve festa e fogos de artifício para celebrar esta data tão importante!
Como tinha Carnaval em um bairro no centro da cidade e em todos os lugares estavam avisando para não usar o carro para ir até o local porque a ponte seria fechada e várias ruas perto da localidade estaria interditada para carros e sem lugar para estacionar, ir para a cidade de transporte público (trem+2 onibus) não seria algo viável, então acabei nem indo ver as comemorações, mas me deu uma pontinha de arrependimento quando vi o belíssimo show de fogos de artifício da ponte pela televisão.
Até uma amiga no Brasil disse que viu as fotos no site do uol e falou que tinha certeza de que eu estaria no meio da multidão...
Achei super bacana que até mesmo o Google homenageou a ponte e eu claro, tinha que dar um print screen na tela com a imagem…

Eclipse do Sol na Califórnia

Image
Hoje estava conversando com o meu marido que escolhi o melhor trimestre para ter aulas de astronomia. Tanta coisa acontecendo lá no céu e eu tenho a oportunidade não somente de ver, mas entender um pouco mais sobre estes fenômenos.
Ontem aconteceu o eclipse total do Sol em alguns lugares nos Estados Unidos e na Ásia. A Lua não cobriu totalmente o Sol, criou um efeito de anel de fogo. Aqui na Califórnia o eclipse foi parcial, a Lua cobriu cerca de 85% do Sol. Eu claro, não iria perder por nada!
Tentei lembrar quando foi a última vez que vi o eclipse do Sol e como eu fiquei morrendo de medo porque todo mundo dizia que iria ficar a maior escuridão. Eu era criança, deveria ter uns 11 anos, porque eu lembro que corri igual uma louca da escola até em casa para ver, mas como eu não tinha os óculos pra ver e só consegui dar uma espiadinha direto no Sol (apesar de todos dizerem que não era pra fazer isto), não lembro de ter ficado impressionada.
Desta vez eu estava preparada. Já tinha feito pl…

Finalmente me rendi...

Nao eh de hoje que meus amigos e minha familia disse que eu americanizei. Os costumes mudaram, os pensamentos mudaram... tenho ate uma amiga que diz que eu tenho sotaque de gringo quando falo portugues (acho que isto eh coisa da cabeca dela, mas tudo bem). E apesar de ter certeza de que sim, durante estes 5 anos em que moro aqui muita coisa mudou na minha vida, nao concordo com o rotulo de americanizada.
Entao hoje, na correria para ir para a faculdade, eu faco um sanduiche de pasta de amendoim com geleia de morango pra levar comigo.
Perai.
Desde quando eu como sanduiche de pasta de amendoim com geleia no almoco?? Eu sempre achei a combinacao a coisa mais nojenta do mundo e ca estou eu, preparando um para o meu almoco, o que foi que aconteceu comigo???
Morri de dar risada quando me dei conta disto e pensei comigo: eh, definitivamente americanizei...

Tesouros celestiais

Reencontrei uma paixão antiga.
Uma paixão que tinha abandonado e até mesmo esquecido, por conta da correria do dia a dia.
Observar o céu.
Eu sempre amei olhar o céu, as estrelas, a Lua... lembro quando era criança e ficava olhando o céu e a minha mãe dizia que não podia contar estrelas senão iria nascer a mesma quantidade de verrugas nas mãos.
Aqui nos Estados Unidos a experiência mais linda que tive foi ver o céu no ARizona, numa noite de Lua Cheia. Tinha tanta estrela, mas tanta estrela, que o céu nem estava tão escuro assim.
Depois do começo das minhas aulas de Astronomia na faculdade, tenho aprendido tanta coisa sobre o sistema solar, estrelas, nosso planeta o universo... não me incomodo de ouvir toda a explicação científica, dentro do meu coração há apenas um Criador do universo... e pra mim não importa se foi através de uma explosão, em um dia ou em milhões de anos... pra mim aprender sobre o universo só me ensina o quanto somos tão pequenos, até mesmo insignificant…

É difícil...

Um tempo atrás estava conversando com um casal de conhecidos em português e o marido sempre antenado para entender o que estava sendo dito. Até que eu  olho pra ele e digo:
Paulistana - É difícil né?
Marido: "Quê?"
Paulistana: - É difícil?
Marido: What about  the building?
Paulistana: What are you talking about?
Marido: O edifício.

Eu caí na gargalhada quando entendi que ele estava fazendo confusão com as duas palavras. Tentei explicar pra ele que é difícil e edifício tem intonações diferentes e repeti, repeti, repeti.... e ele bateu o pé e disse que era tudo a mesma coisa e por isto era tão complicado aprender português!
Mas achei o máximo ele saber da palavra building em português, coisa que nunca ensinei pra ele!
Que orgulho :-)