Caçando emprego...

Nunca imaginei que procurar emprego aqui fosse algo tão desgastante e tão demorado. Sério.
Na minha cabeça era só tirar o currículo do HD de backup, traduzir para o inglês, enviar pra tudo quanto é canto e esperar o telefone tocar. Mas não é bem assim.
Em primeiro lugar eu tenho que escolher um dos modelos de currículo... se é o cronológico listando as minhas experiências profissionais, o funcional que dá ênfase às minhas qualidades como profissional que podem ser usadas em qualquer emprego ou o modelo misto. Cada um é indicado para o tipo de carreira que você quer seguir e se você tem experiência em uma determinada profissião ou está pensando em mudar de ramo.
Fiquei vários dias pensando e repensando o que fazer, até que decidi pelo funcional - já que queria dar mais ênfase as minhas qualidades e habilidades profissionais do que no tempo em que trabalhei já que há o "buraco" do tempo em que me mudei pra cá e fui estudante em tempo integral. Estava toda satisfeita com o resultado quando enviei pra uma amiga recrutadora que trabalha em NY e ela disse pra eu praticamente refazer tudo. Eu quis chorar, sério...
E mudei o que ela falou, agora é a hora de escrever a bendita carta de apresentação. Ai meus sais, que deve ser feita de acordo com o trabalho que você está se candidatando.
E atualizar o perfil do Linkedin e do twitter, porque vai que o entrevistador dá uma olhada no perfil...
Cadastrar os currículos nos sites de emprego, enviar por emai, esperar, esperar, esperar...
Não estou reclamando do processo, mas acho que a caça ao trabalho hoje em dia está bem diferente do que quando eu procurei trabalho da última vez... sem dizer destas pequenas coisas culturais que são feitas de formas diferentes nos EUA e no Brasil. Eu não quero desmotivar ninguém, e tento dizer pra eu mesma ter paciência e dar o meu melhor porque eu sei que há um trabalho do jeito que eu quero me esperando, em algum lugar...
Todo mundo diz que por eu ter experiência com o ramo de tecnologia será fácil fácil encontrar emprego aqui porque afinal, moro no polo tecnológico do mundo... mas não sou eu apenas que estou procurando emprego por aqui e isto às vezes me traz uma insegurança muito grande... já até pensei em abandonar esta coisa de suporte e trabalhar com alguma coisa administrativa...
Mas enfim... se alguém tiver alguma dica para me dar, estou de ouvidos abertos, todo conselho é sempre muito bem vindo...
E quem estiver procurando emprego por aqui, eu recebi um livro eletrônico de um consultor que dá dicas ótimas sobre como escrever um bom currículo (em inglês), carta de apresentação e como se apresentar em entrevistas, se alguém estiver interessado, só mandar email pra mim (o endereço está no meu perfil aí do lado) que eu mando sem problemas. :-)
Confesso que isto tem tomado todo o meu tempo (como hoje o dia inteiro por exemplo) e as pessoas não entendem que procurar emprego dá trabalho e que eu não passo o dia inteiro na frente do computador brincando ou passando tempo no facebook... quem me dera...
Espero voltar aqui em breve para contar coisas boas! 

Comments

  1. wou, eu não sabia que era tanta coisa assim...
    mas antes de tudo desejo tudo de bom para a senhora, que a senhora consiga um bom emprego!!!
    Deus te abençoe y também a seu marido!!!

    ReplyDelete
  2. Oi Sabrina! Eu também fui pega de surpresa, achei que tudo era mais simples, mas também não é um monstro de sete cabeças. É preciso dedicação e tempo para se preparar para a jornada de procurar emprego e acho que estou dando o meu melhor. Muito obrigada pelos bons votos, que Deus abençoe você também!

    ReplyDelete
  3. Boa Sorte na sua busca! Espero que encontre rapidão o emprego que vc procura e tmb, na sua área :)

    Nada melhor do que trabalhar naquilo que a gente gosta de fazer, né?!

    Tmb estou "freaking out" sobre o que eu vou fazer da vida quando por aí chegar

    Bjs

    ReplyDelete
  4. Cláudia: muito obrigada pela força! Trabalhar no que se gosta é um privilégio mesmo. Assim que tiver um resultado positivo venho aqui contar.
    O meu conselho pra você é fazer planos A, B, C e ter em mente de que haverá um tempo em que você não poderá fazer nada (o tempo de espera do AOS). Manter a cabeça ocupada é sempre bom... neste período a gente aprende tanto sobre nós... e é preciso lembrar que tudo na vida é uma fase, seja ela uma coisa boa ou ruim, vai passar!

    ReplyDelete

Post a Comment

Deixe seu comentário, dúvidas, sugestões ou perguntas para a Paulistana na Califórnia!
Seu comentário será lido e respondido assim que possível!
Obrigada!!