A rebelde sem causa. Será mesmo??

Sim, me desconectei do Facebook. A princípio temporariamente, mas pensando seriamente em uma medida permanente. Os motivos são basicamente 3:
  1. O Facebook me deixa deprimida. Sim, deprimida. Pra colocar de uma forma bem simples, a vida perfeita de comercial de margarina ou do trailer do filme curtindo a vida adoidado faz a minha vida normal parecer pior do que realmente é, menos interessante do que é. Querendo ou não rola a comparação e começo a me julgar e questionar todas as decisões que tomei na vida, porque afinal, parece que todo mundo está no rumo certo, menos eu.
  2. Cansada do contato superficial das pessoas. Hoje em dia é muito fácil curtir um comentário e uma foto, ler notícias (que foram friamente calculadas e selecionadas) em posts no facebook do que sustentar uma conversa franca e sincera, pra saber como a vida realmente está e como você se sente. Depois do meu post de despedida não recebi nenhum email ou ligação pra saber como eu estava, o que estava acontecendo. Afinal, a vida é corrida, ninguém tem tempo pra estas coisas. Mas todos encontram tempo pra ficar navegando e interagindo no mundo facebookiano. 
  3. Respeito com usuário e sua privacidade. Este foi o motivo número 1 de ter abandonado o facebook há 2 anos. As políticas de privacidade do site estão constantemente mudando e não para melhor. O que mais me irrita é que quando uma modificação é feito é sempre o usuário que tem que correr atrás pra fazer modificações para manter a privacidade de informações.
Pronto, desabafei. Me chame de rebelde sem causa, tudo bem. Eu preciso de amigos de verdade, não de uma lista com nomes e sorrisos de pessoas que só estão interessadas nas "novis" da minha vida.

Comments

  1. Eliana eu nem vi que voce tinha saido, nem post de despedida! Eu entendo. Muitas vezes pensei em fazer o mesmo pelos mesmo motivos, mas aih lembro que meu facebook tem pra mim um objetivo diferente. A maioria dos meus amigos reais moram longe de mim, alias, todos, e muitos em locais com diferenca de horario o que dificulta muito eu poder ligar pra eles e eles ligarem pra mim. Fazemos o melhor que podemos, mas cada um tem um schedule diferente. Entao quando eles tem tempo eles postam as fotos dos filhos no Facebook, e coisas do dia-a-dia deles... e quando Eu tenho tempo livre eu entro no facebook e posso acompanhar. Porque se eu for esperar o nosso tempo "bater" pra gente conseguir se falar pelo telefone, nao vou ter oportunidades de ver fotos e acompanha-los, e eles o mesmo. Sim, quando temos tempo trocamos um email ou outro, e eu adoro mandar emails e receber, mas nem sempre tenho tempo. Sim a desculpa do tempo eh verdadeira, pelo menos no meu caso. Se eu sentar pra mandar email individual para todos os meus amigos eu nao terei tempo pra fazer mais nada, sendo que entrando no facebook uma unica vez postando algo do meu dia-a-dia, eu atinjo todos de uma vez soh. E o mesmo com eles. E quando quero mandar uma mensagem mais pessoal, especifica, muitas vezes mando pelo inbox do facebook mesmo, eh um caminho unico que tenho que fazer, ao inves de 100 passos. Tem gente que me pergunta, voce tem tempo pra postar no facebook mas nao tem tempo pra me ligar? Mas quando a gente liga pra alguem a gente demora no telefone, eu pelo menos sou assim, adoro bater papo pelo tel, o problema eh (alem da diferenca de horario e schedules como ja falei acima) tem tb o fato de que quando eu entro no facebook eh geralmente em pequenos breaks do estudo, questao de 5 minutos. E pronto, volto pros livros e afazeres, e quando caso vou pro facebook de novo. Mas pra ligar pra alguem eu sei que NAO vou apenas conversar por 5 minutinhos, e ai enrolo e acabo wasting time dos meus afazeres... e quando eu posso ligar pra alguem, esse alguem ta dormindo porque ja ta tarde no lugar que ela mora, ou entao ta mais cedo do que onde eu moro e a pessoa ainda esta trabalhando. Quando tenho um tempo sobrando eu mando um email de vez enquando, mas eu super entendo quem nao tem tempo e acaba usando o facebook como meio de comunicacao com amigos que moram longe. Entao eh por este motivo que eu nao deleto o meu. Porque eh meu "ponto de encontro" com meus amigos, por la tb bato papo com eles, tenho comunidades que faco parte, e assim vai. Eh a forma mais pratica de eu manter contato com todos. Mas este eh o meu caso! E entendo perfeitamente voce ter cansado, e apoio. Eu to sofrendo um dilema parecido mas com o meu Blog. Perdi TOTALMENTE a motivacao de continuar escrevendo, de continuar deixando minha vida "aberta" assim pra todo mundo. No facebook pelo menos eh fechado, kind of... mas mais privado do que o blog. Ando pensando em fecha-lo por um tempo. Nao deleta-lo porque amo meu blog hehe, e foi ele quem me proporcionou conhecer muitos dos meus amigos virtuais e reais, e alem disso, eh meu diario pessoal, tem muitas memorias. Ainda nao sei se fecho ou se deixo assim parado ateh sentir vontade de escrever de novo... voce teve mais coragem do que eu hehe.

    Olha, meu email continua o mesmo. Tenho seu skype e seu email. Acho que seu telefone tb. Qualquer hora dessas que eu tiver mais que 5 minutos pra conversar eu te ligo :)

    Beijinho

    ReplyDelete
  2. Nao a culpo.Acho um ato bastante lucido e louvavel.Se nao ta fazendo bem, se ta so entupindo seu tempo e nao ta trazendo beneficio,tem mais e que cortar o mal pela raiz mesmo.Recebo muitos friends request de gente que trabalha comigo mas jamais sairia comigo pra tomar um cafe.Sabe, nao aceito! Nao tem meu telefone,nao faz parte do meu circulo de amizades e quer ficar na propria panela,entao nao tem pq criar no fb algo que nao existe.

    Pode ficar com raiva,afinal fb nao e a vida real da pessoa e sim a vida numa versao adulterada com varios cortes do diretor.

    Tem gente da igreja que me mandou um convite e eu deletei na boa pq nao temos contato.Eu acho lindo esse povo que vive dizendo que nao tem tempo,que vive ocupado e atualiza o fb a cada 3-4hrs...Chega a ser ridiculo.

    Deixei certas comunidades que pertencia pq o povo ta mais interessado em ter razao,em se agarrar a certos estereotipos do que fato propragar informacao boa que soma na vida do sujeito. Eu tiro meu chapeu pra vc! Que a vida fique mais leve,solta e bela depois da decisao tomada.

    Sucesso!

    ReplyDelete
  3. Nani: entendo o seu ponto de vista e é indiscutível a conveniência para conectar pessoas através do facebook. O problema é que as vezes acaba ficando uma superficial demais.

    Gisley: se não tem contato comigo na vida real, não faz parte da minha virtual. Eu não fico a procura de número, mas de qualidade de amigos.

    ReplyDelete
  4. Concordo com Gisley, não entendo como uma pessoa demora mais de dois meses para responder um email e vive postando no fb todo dia, quem é amigo mesmo, te considera e quer manter contato, vai procurar outros meios de falar com você quando souber que encerrou sua conta, é simples assim, o resto é conversa fiada! Até parece que não existia vida antes do fb, rs. Bj

    ReplyDelete
  5. Kel, é que email virou ferramenta obsoleta de comunicação...
    Pois é, acho que as pessoas se esqueceram de como era o mundo antes do facebook mesmo... mas assim como o icq, msn, orkut, acredito que facebook também vai passar...

    ReplyDelete
  6. Olha, eu tbm penso e repenso em excluir o face e aproveitar mais a vida.Passo muito tempo nisso. :( Me sinto presa à essa ferramenta pelo fato de estar longe da família e dos amigos. Mas fico pensando que face faz um desserviço as relações "sociais", ao invés de aproximar as pessoas, acaba tornando superficial os contatos (nao se conversa mais pq um curtir é suficiente, ou ler publicações alheias é participar do cotidiano das pessoas- sqn!).
    Fora a falsa felicidade expressa ali, tudo lindo e cor de rosa, td mundo é descolado, engajado socialmente, viaja, vai a restaurantes, teatro e etc... O desserviço que faz assassinando a lingua portuguesa tbm é um caso sério(as crianças tem escrito muito mal na vida "real" pq usam muito a internet e face).
    Me irrito com a busca exagerada por aceitação por parte das pessoas, publicando coisas q nao sei qdo viraram interessantes pro mundo: tipo, meu filho começou a andar, minha filha tirou a nota mais alta, estou de luto e etc etc etc...
    O que mais me incomoda é a superficialidade: caso eu pare de usar face, quantos amigos e que família realmente terei? daqueles poucos e bons, que nao deixam o sentimento morrer nem com a distancia e o tempo que dedicariam a mim seria maior que o tempo de clicar no "curtir"? Medo.

    ReplyDelete
  7. Nely, nós dividimos um ponto de vista muito parecido sobre o facebook. Eu acho que na verdade distancia os relacionamentos porque a gente não conversa sobre sentimentos é só virar expectador da vida dos nossos amigos. E sabe de uma coisa, saí e não me arrependo... ninguém ficou mais perto ou mais longe, quem quer mesmo ainda mantem contato comigo.

    ReplyDelete
  8. Eu já saí algumas vezes do Face, mas sempre acabei voltando pq é a forma de contato que eu tenho com o pessoal do Brasil e do Japão. Mas claro, aprendi a passar por cima desse mundo de margarina... Todo mundo sabe que é, mas ng tem coragem de assumir.. acho que a tendência é todos começarem a se falar mais via whatsapp, chats e como sempre, o blog... que nunca morre.

    Kisu!

    ReplyDelete
  9. E o facebook q me trouxe até aqui, rs. Q irônico não? Uma colega de classe postou um texto mto legal sobre ser gentil consigo mesma... Como o texto tinha parenteses, logo entendi que não era de autoria dela. Joguei no youtube e te achei! rs. Virei aqui mais vezes, curti mto o blog!
    E este post me fez refletir mto! Valeu!
    God Bless!

    ReplyDelete
  10. Bah: engraçado que foi um fuá quando disse que iria sair, mas depois de um tempo acho que as pessoas acostumaram e eu também... talvez eu volte, talvez não principalmente que mudaram de novo as políticas de privacidade do site...

    Steholiver7: que ironia do destino mesmo! Não nego que o facebook conecta pessoas, mas acho que a conectividade pra mim pelo menos não estava funcionando... Seja bem-vinda e volte mais vezes!

    ReplyDelete

Post a Comment

Deixe seu comentário, dúvidas, sugestões ou perguntas para a Paulistana na Califórnia!
Seu comentário será lido e respondido assim que possível!
Obrigada!!

Popular posts from this blog

É legal viver ilegal nos EUA?

...

O dia que a professora de espanhol quase enfartou em classe