A responsabilidade de ler antes de espalhar...

Semana passada 5 amigos diferentes mais 2 pessoas da minha família enviaram com muito amor pra mim um post de um blog dizendo que havia sido descoberta a cura para o Lupus. Eles receberam o link através de compartilhamento do Facebook e correram para me notificar já que não estava antenada no que estava acontecendo na rede.
Agradeci o carinho e o artigo, mas confesso que desde o princípio fiquei desconfiada do conteúdo do mesmo já que acompanho pesquisas e vários grupos de discussão sobre a doença e não tinha ouvido falar desta tal cura.
Ao abrir o link e ler o conteúdo do post que estava em português, fui direto no link da pesquisa em inglês e embora o conteúdo fosse praticamente o mesmo, o final do artigo em inglês deixava bem claro que se tratava apenas de uma pesquisa feita em ratos (em fevereiro deste ano) e que não havia uma previsão de teste em humanos. (o que o blog em português afirmava que iria começar em setembro de 2015).
Fiz questão de comentar na reportagem do blog em português esclarecendo estes fatos e o que me deixou muito triste foi a quantidade de pessoas que leram apenas o post em português que dava uma informação incorreta sobre a pesquisa e movidos de esperança e desespero imploravam para participar como cobaias do estudo, deixando número de telefone, endereço de email e da casa, com histórias bem pessoais.
O meu coração ficou triste e ao mesmo tempo revoltado porque a falta de responsabilidade da pessoa(s) que escreveram o post em português que não leram e traduziram a reportagem inteira e deixaram uma falsa esperança no ar. Claro que é uma boa notícia em termos de pesquisa, mas não é cura nenhuma.
Isto foi apenas um exemplo que me tocou diretamente, mas quantas coisas são compartilhadas irresponsavelmente na internet hoje em dia? São serviços, curas para doenças, regimes milagrosos, víruses... Até mesmo golpes e scams são repassados com a maior das boas intenções simplesmente porque as pessoas lêem o título de uma reportagem/artigo e nem vê o conteúdo ou procuram saber a verocidade da informação e a coisa se espalha rapidamente com a velocidade que os megabytes podem viajar na internet.
É da minha índole sempre verificar informações que são muito boas pra ser verdade antes de repassar e também pensar se o conteúdo vai trazer algum benefício para quem está lendo. Por isto às vezes até demoro postar alguma coisa pois quero ter certeza de que o que estou colocando na rede é verdadeiro.
Claro que somos passíveis de erros, mas procuro ter cuidado e também alertar aqueles que me enviam coisas que não são verdadeiras para que não continuem espalhando inverdades por aí.
Google está aí minha gente pra desmascarar qualquer mentira em milionésimos de segundos. Na dúvida, faça uma pesquisa você mesmo e julgue o conteúdo antes de compartilhar.
Nem vou entrar na questão de postar/compartilhar fotos de acidentes, desgraças, mutilações, etc. pois acredito que o que é bom deve ser dividido, o que não é deve ser apagado e bloqueado sempre.
Se cada um fizer a sua parte, a vida nas redes sociais fica bem mais bonita e mais segura.

Comments

  1. Desculpa meu comentário (sem generalizar), mas redes sociais é uma praga moderna nas mãos dos que não sabem usar, é cada absurdo que já teve até uma pessoa linchada por causa de informações falsas. É triste.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Pois é Kel, por isto que eu só uso uma plataforma e só para notícias. Os aborrecimentos pra mim não valem a pena pra manter um perfil!
      Saudades de você espero que esteja bem!

      Delete
    2. Verdade, temos que filtrar muita coisa, muita poluição visual gera poluição mental, infelizmente estamos todos envolvidos com a net mesmo que em nivéis diferentes. Estou bem, obrigada! :)

      Delete
  2. Realmente, as vezes não da pra se resumir uma história inteira apenas lendo o cabeçalho. É preciso lê todo o conteúdo pra se ter uma ideia do que se trata, e só depois resolver se vale a pena compartilhar!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oi Marcelo, obrigada pelo seu comentário. Muitas vezes eu percebo que o cabeçalho é muito sensacionalista, feito pra chamar atenção mesmo e não tem nada a ver com o que está escrito na matéria...

      Delete

Post a Comment

Deixe seu comentário, dúvidas, sugestões ou perguntas para a Paulistana na Califórnia!
Seu comentário será lido e respondido assim que possível!
Obrigada!!

Popular posts from this blog

É legal viver ilegal nos EUA?

...

O dia que a professora de espanhol quase enfartou em classe