Posts

Showing posts from 2016

Done!

Image
Quinta-feira passada disse adeus à minha melhor amiga dos últimos 3 meses: a calculadora TI-84. Saí da prova de estatística e andei pelo campus da faculdade pela última vez como estudante.
Ao passar pela biblioteca e pátio central, o sino da faculdade que marca as horas começou a badalar e eu juro que me senti meio Cinderella escapando antes da meia-noite.
Um sonho que foi algo tão distante um dia, se tornou real.

Embora muitas pessoas me perguntem o que será daqui para frente eu ainda não estou preocupada com isso. Quero saborear o momento, o agora, a minha conquista.
Por que será nunca estamos contente com o que conseguimos e sempre temos que pensar no próximo passo, na próxima conquista, na próxima vitória?
Vou saborear este finalzinho com muita festa e muito feliz porque apesar deste ano de 2016 ter sido absurdamente maluco, foi um ano de grandes realizações pessoais.


Quase lá...

Image
Eu deveria estar estudando para minhas provas finais, mas ao invés disto estou aqui procrastinando escrevendo no blog.
Esta é a minha última semana na faculdade. Duas provas, um trabalho e pronto. ACABEI!!!
Foram longos 5 anos que deveriam ter sido 2 anos e 3 meses, mas hey, a vida nos últimos 3 anos me deu várias surpresas (agradáveis e nem tanto) e por isso agora estou finalmente me graduando.
Já ouvi várias pessoas tentando diminuir a minha auto-estima, já que para os americanos estou apenas na metade do caminho (sei que estou devendo escrever sobre o sistema de ensino americano, e vou fazê-lo assim que me livrar dele), pois ao contrário do nosso sistema onde você sai do ensino fundamental e vai direto pra faculdade da carreira que você escolheu, aqui os 2 primeiros anos todos estudam conhecimento gerais de certas áreas e somente depois você estuda matérias específicas para a sua carreira. Você pode tanto entrar direto para a faculdade de 4 anos e fazer tudo lá, ou para economicar …

O maior feito da minha vida

A minha professora de estatística teve uma ideia genial para a lista de chamada que assinamos todos os dias. Ao lado do nosso nome ela escreve uma pergunta do dia que varia todos os dias. Geralmente eu respondo - é facultativo fazê-lo - e confesso que às vezes acabo me distraindo lendo as respostas dos colegas dependendo da pergunta. Hoje foi o dia que mais me distrai, confesso.
Ela perguntou qual foi o seu maior feito na vida até o momento. Li diversas respostas e confesso que fiquei sem saber o que escrever já que poderia ter colocado várias respostas. Escrevi que foi ter viajado para vários lugares do mundo, mas não creio que este foi o maior depois de pensar um pouco sobre o assunto.
O que mais me chamou a atenção em relação às respostas dos meus colegas é que haviam coisas extraordinárias como também coisas bem simples. Esse tipo de pergunta invoca respostas bem diferentes e que nenhuma delas deve ser considerada melhor ou pior porque muitas vezes pequenas coisas que não damos mu…

Meu gato que não é meu

Image
Sou o que eles chama aqui de "dog person". Eu AMOOO cachorros, desde que eu me entendo por gente meus pais tiveram cachorros em casa. Tínhamos 4 cadelas que não eram castradas, então já viu... vira e mexe aparecia uma barriguda e era a maior festa quando os filhotes nasciam e até a gente distribuir, era aquela festa de filhote + criança que a minha mãe tanto odiava - bagunça e trabalho em dobro hehehe. Lembro que era a maior choradeira quando alguém iria buscar os filhotinhos, lembro do nome de todos os cachorros que tivemos e quando vou na casa da minha mãe tenho o maior xodó pelos cachorros dela.
Por ser rodeada de cachorros, nunca fui chegada em gatos. Não tenho nada contra eles, mas sou uma pessoa carente e não iria conseguir ter um animal de estimação que não dá a mínima pra mim e só me usa para ganhar comida e um lugar pra viver.
Tenho uma amiga que tem os gatos mais fofos do planeta e a gente se deu muito bem, porque eles parecem mais cachorros do que gatos, no compor…

Precisamos falar de eleições ?

Image
Há uma semana o povo americano (em teoria) escolheu o novo presidente do país. Digo em teoria porque aqui existe um sistema de eleição bem diferente do que nós conhecemos no Brasil.
Pra resumir a história o sistema funciona mais ou menos assim: cada estado americano possui um certo número de delegados no colégio eleitoral que varia de acordo com o número de representantes do Senado e Congresso de cada estado. A Califórnia por exemplo tem 55, Texas 38, Florida 29, e assim sucessivamente. O total de delegados é de 538 e para ser eleito, o presidente precisa de no mínimo 270. O interessante é que o candidato que tem a maioria dos votos na maioria dos estados recebe todos os números de delegados daquele estado. Aqui na Califórnia a Hillary ganhou a maioria dos votos então ela levou os 55 delegados do estado. Por isso,  embora ela tenha ganhado a maioria do voto do povo (em números) ela não foi eleita porque ela perdeu em porcentagem para o Donald em alguns estados chaves que tinha um núme…

O dia que a professora de espanhol quase enfartou em classe

Só percebi hoje que faz um mês que não atualizo o blog. E não é falta de assunto, é aquela velha história falta de tempo mesmo. Depois que voltei do Brasil já engatou-se uma reforma na cozinha da minha casa e o início das aulas e só agora me organizei.
Estes dias na faculdade estava pensando em escrever um pouco mais sobre vida de estudante por aqui, vai que alguém está precisando de um esclarecimento porque te digo que mesmo neste meio há 4 anos, tem muita coisa que não entendo... mas enfim...
Hoje aconteceu o pesadelo de qualquer professor de idiomas na minha sala de espanhol. Existem muitos nativos de espanhol na minha sala (ou eles cresceram falando espanhol em casa mas não aprenderam gramática ou então só querem ganhar crédito fácil do requisito língua estrangeira) e estamos em uma semana de apresentações sobres diversos temas.
Pois bem, hoje o tema era sobre a vida universitária de alguns países latinos. Aí uma menina que fala espanhol porque os pais são mexicanos foi apresentar…

São Paulo

É só marcar viagem ao Brasil que começo a ter crise existencial.
Semana passada assisti vários vídeos no youtube de estrangeiros que foram visitar São Paulo e contam suas experiências e o quanto a cidade é linda, cheia de cultura, boa comida, com transporte ótimo e com pessoas amigáveis. Uma mulher até disse que não gosta de conversar com brasileiros que tem uma visão negativa da cidade porque tudo lá é lindo e não damos valor.
Respeito a opinião destas pessoas, mas vamos concordar que a experiência de um turista na cidade é bem diferente de alguém que mora lá e tem que acordar cedo pra pegar busão pra ir trabalhar e não tem muito dinheiro pra sair "desfrutando" das belezas e coisas boas da cidade...

*-*- *-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*

Comecei a escrever este post um tempo atrás e resolvi que estava na hora de sacudir poeira daqui.
Há uma semana retornei de São Paulo, uma viagem rápida só para ver com os meus próprios olhos como e…

Dicas sobre trabalho no Vale do Silício

De vez em quando recebo mensagem de pessoas perguntando sobre o mercado de trabalho aqui na região.
Estou sem trabalhar há alguns anos por conta da faculdade e problemas de saúde, mas gostaria de dar algumas dicas para quem tem curiosidade de saber um pouco sobre o mercado de trabalho daqui.

Nos EUA não existe lei trabalhista que oferece direitos e deveres a todos os empregados como no Brasil. Benefícios variam muito de empresa para empresa e isso acaba sendo munição de grandes empresas para atrair talentos. As informações que colocarei aqui são bem gerais e experiências que tive no mercado formal e informal e também o que observo das pessoas ao meu redor.
 Se você não tiver permissão para trabalhar legalmente nos EUA, como visto de trabalho, cidadania ou green card, as chances de conseguir um trabalho em uma grande empresa são quase abaixo de zero.Salário é oferecido por ano, ou seja, quando você é contratado a empresa vai dizer que você receberá 36 mil dólares, isso significa o seu s…

Falta muito pras Olimpíadas terminarem?

Pode fazer cara feia e julgar, eu não me importo. Não vejo graça em Olimpíadas. Tento assistir as cerimônias de abertura e de encerramento porque é um show sempre, mas não fico colada na televisão vendo jogos e torcendo fervorosamente para qualquer coisa que esteja passando na televisão.
Aliás, acho que o meu espírito olímpico morreu de vez este ano com a palhaçada que é a transmissão do jogos aqui nos EUA. Só um canal tem os direitos de imagem e acreditem ou não nenhum jornal de nenhuma outra emissora pode passar vinhetas dos sports. Para poder assistir a transmissão ao vivo da abertura eu tive que usar serviço de VPN e ver online por uma emissora britânica. A transmissão aqui na Califórnia só começou literalmente quando estava terminando a cerimônia no Brasil. E cheio de comerciais e cheio de comentários idiotas de quem não sabe o que falar mas tem que encher linguiça pra audiência.
Os jogos raramente são trasmitidos ao vivo e claro, a prioridade é sempre mostrar os atletas bam-bam-…

Adele & me - the best part

Image
Já tinha me conformado em assistir os shows da Adele pelo Periscope ou esperar que ela fosse para o Brasil ano que vem pra ter alguma chance de vê-la cantando ao vivo quando o melhor marido do mundo comprou de presente de aniversário pra mim um ingresso que ficava quase lá no céu, mas pra mim não importava porque eu finalmente iria ao show da Adele!
Fiquei sabendo que no dia anterior a cada show, alguns ingressos se tornavam disponíveis de última hora, então instalei o aplicativo da ticketmaster no meu celular e fiquei tentando encontrar estes ingressos à venda. Por  8 vezes encontrei ingressos para shows, porém eles eram em outros estados e até mesmo em Vancouver, e não dava para abandonar as últimas semanas de aula pra viajar de um dia pro outro por causa de um show...

Porém a experiência valeu a pena para eu saber quando os ingressos se tornavam disponíveis e pegar as manhas para a compra. O meu marido achava perda de tempo fazer isso já que eu tinha o meu ingresso, só que eu iria …

Rotina

Demorei um pouco, mas finalmente vou responder a querida Paulinha! 

"ai que delícia poder perguntar rs. quero saber de vc, da sua rotina, da vida, de tudo rs. x" 

Acho que não dá pra resumir a minha vida inteira em um post, mas a Paulinha me deu uma idéia de escrever um pouco mais sobre a minha vida aqui, já que a gente sempre morre de curiosidades como são certas coisas em lugares diferentes.
Pra ser sincera, a maior parte do tempo acho a minha vida beeeeem normal e até fico um pouco entediada, porque apesar de morar na Baía de San Francisco, tenho a minha rotina e obrigações pra cuidar como em qualquer lugar do mundo...
Este mês eu decidi colocar as caras e fazer "curso de verão" na faculdade, apesar de ser apenas 2 matérias e só faltarem mais 3 semanas estou querendo jogar a toalha, não tem sido fácil.
Pense fazer todas as provas, leituras e ver matéria de 12 semanas em 6! Praticamente toda semana eu tenho prova pra fazer e uma das minhas classes eu tenho 4 livr…

Esperança

Não preciso dizer pra vocês que estamos vivendo dias terríveis, cheio de medo, confusão, ódio.
Ainda estou tentando digerir a zona que está acontecendo aqui nos EUA, esta intolerância racial tão grande que todo mundo finge não ver, pretende que são apenas casos isolados mas que está trazendo uma onda de insatisfação e ódio muito grande por aqui.
Meu marido preocupado com o país dele vivendo uma crise sem precedente, eu preocupada com a bagunça que está no Brasil.
Ontem, a notícia do atentado em Nice e tive calafrios de reconhecer as ruas nas fotos, pois estive lá como tantas outras daquelas pessoas, apreciando dias tranquilos e o mar límpido e cristalino da "Costa Azul" do sul da França.
É pra ficar revoltada, cheia de amargura, de ódio, com medo. Mas no meio desta zona toda, o milagre da vida. Um casal que há muitos anos tentavam ter um filho, receberam com muito amor a filhinha tão esperada e tão desejada.
Então começo a pensar que mundo que esta pequena e inocente criança…

50 perguntas respondidas honestamente

A Paulinha do blog Ô Essa Menina postou 50 perguntas respondidas honestamente  e resolvi entrar no jogo. Nunca respondo estes questionários, mas achei as perguntas interessantes e é sempre legal conhecer um pouco sobre quem escreve o blog. Então lá vai...

O que você está vestindo? Calça de moleton, camiseta com estrelinhas e botinha felpuda Já esteve apaixonada? Já sim!Já teve um terrivel final de relacionamento?Como diz uma piada aqui de 0 a Adele qual foi um terrível final de relacionamento, já tive um sim e foi difícil me recuperar porque gostava da pessoa e além de me trair, disse coisas horríveis pra mim Qual a sua altura?1,55m Quanto você pesa?80 e alguma coisa Tem tatuagens?Não, mas em 2007 estava quase pra fazer uma quando um amigo me desaconselhou e eu desisti. Iria fazer 3 estrelas Tem piercings?Não, só orelhas furadas Um casal perfeito?Noah e Allie do filme "Diário de uma paixão" Show favorito?Anos incríveis e Gilmore Girls Banda favorita?Brasileira: Jota Quest e i…

Difícil falar sobre "a melhor viagem da minha vida"...

Image
Seguindo os posts pergunte à Paulistana, a Mari escreveu:

"Conta para nós: de todas as viagens que você fez, qual gostou mais e por quê? Bjos!"

Sem brincadeira, acho que esta é uma das perguntas mais difíceis de responder. Estava enrolando pra escrever este post porque por alguns dias fiquei pensando na resposta e simplesmente me veio à memória pelo menos umas 10 viagens diferentes  que foram especiais pra mim e poderia considerá-las a melhor viagem da minha vida...
Porém, tive o privilégio de conhecer 2 lugares muito especiais (sei que era só uma viagem, mas vou explicar), que me trouxeram lágrimas aos olhos e fiquei simplesmente sem palavras. Estes lugares fazem parte de uma "Bucket list", ou seja, lugares que quero conhecer antes de morrer e desde que me entendo por gente sou fascinada e sonhava em colocar os pés nestes dois lugares. Então a emoção e a alegria são sempre revividos quando falo e vejo a foto destas viagens porque são muito especiais pra mim.

Grand…

Se pudesse escolher, continuaria aqui...

A Gisley fez a primeira  pergunta  no post Pergunte à Paulistana  "Se pudesse escolher um local para morar e dinheiro não fosse problema, moraria na Califórnia ou em outro estado americano?Pq?" Já me fiz esta pergunta um milhão de vezes e tanto eu como o meu marido chegamos à mesma conclusão: mesmo se o dinheiro não fosse um problema nós continuaríamos morando aqui na Califórnia. Há mais de uma razão pra isso... 1 - Gosto do clima e ajuda a minha saúde. Ok, o clima aqui não é 100%, porque ninguém merece morar num lugar que não chove por meses e o ar é seco, mas por aqui nunca é muito quente e nunca é muito frio. Tinha me esquecido como é úmido na costa leste quando fui pra New York no verão há alguns anos e dei graças a Deus quando voltei pra casa. Além disso, no inverno não temos problemas com neve e muito frio.
2 - Bom convívio com o "desastre natural" da região Sempre digo que aqui nos EUA você precisa qual desastre natural você quer enfrentar. Tem nevascas, e…

Pergunte à Paulistana.

Tenho as melhores idéias do que escrever no blog quando estou olhando para a tela do computador tentando redigir trabalhos para a faculdade.
Aí falo: "Assim que terminar isso, vou lá escrever este post no blog". E o tempo passa, ou falta.
Férias de verão chegando e vou ter muito, mas muito tempo disponível e quero fazer coisas produtivas e tentar dar uma arrumada nas coisas por aqui.
Então por favor gostaria de saber de você que chegou por aqui, se tem algo que você sempre quis saber sobre a Califórnia, EUA, lupus,cultura, inglês, São Paulo, computador, viagens, qual minha cor favorita, etc,etc, etc. Prometo responder. Tô num animo pra escrever!
Só deixar pergunta no comentário deste post!

Vivendo o que um dia sonhei.

Image
Hoje meu dia estava uma meleca (pra não dizer outra coisa).
Extremamente cansada fisicamente, emocionalmente e mentalmente tive que me arrastar da cama para estudar para as 2 provas de hoje.
Enquanto me concentrava, lembrei das outras 2 apresentações que tenho para a semana que vem mais o trabalho. No fim, tive que comer qualquer coisa que estava na geladeira. Mal tive tempo de conversar com o meu marido por telefone. Maldito fuso horário.
No caminho pra faculdade todo motorista lento resolveu dirigir à minha frente. E o calor que só aumentava o meu cansaço. Nem eu estava me suportando de tanto mal humor e dor.
Ao sair da sala de aula depois da última prova, vi que uma amiga tinha respondido uma mensagem que mandei dizendo que hoje o dia estava difícil. E a gente começou a filosofar sobre o que é realmente importante nesta vida. Fazer coisas que te deixa feliz. Ponto final. E o que me deixa feliz não é necessariamente o que te deixa feliz. Embora a gente sempre fica tentando fazer a f…

...

Hoje à noite nos encontramos novamente.
Como sempre o nosso encontro foi breve e interrompido de forma brusca.
Achei estranho a última coisa que me lembro de ouvir você dizer é que queria muito ir pra praia.
A praia... logo a praia...
Acordei com o coração apertado, saudade enorme no peito.
Tem dias que eu queria tanto que você estivesse aqui.
Imagino o grande homem, marido, pai que você teria se tornado.
Pensando em você dirigi pra faculdade e lá alguém me compartilhou uma tragédia que  se assemelhava muito com a sua.
E eu não consegui conter as lágrimas. Não tem como.
Foi num dia de verão, numa praia, de férias, que o tempo pra você parou.
Um jovem brilhante, cheio de amor, de vida, de alegria e sabedoria.
Você não me viu realizar os meus sonhos, virar adulta.
Eu não fui ao teu casamento que estava tão próximo, os filhos, o sucesso profissional.
Parece que foi ontem, mas 15 anos se passaram daquele dia, e eu ainda choro quando lembro dele.
Lembra do último cartão de aniversário que…

Está chegando o verão...

Amanhã é Memorial Day aqui nos EUA. Um feriado que acontece todos os anos na última segunda-feira do mês de maio que "marca" o início do verão pelas bandas de cá.
O feriado em si consiste em prestar homenagens àqueles que morreram durante batalhas em guerras em nome dos EUA. Geralmente milhares de voluntários vão em cemitérios militares e colocam uma bandeirinha americana em cada tumba é algo impressionante, mas também muito triste. Em vários lugares há pequenas cerimônias, minuto de silêncio e tocam uma melodia muito triste no trompete. Já há alguns anos eu não vou à igreja que frequento no domingo que antecede Memorial Day porque eles sempre fazem um culto homenageando os soldados, com a música triste no trompete e eu fico extremamente chateada e triste, mesmo sem conhecer ninguém que tenha morrido em uma guerra. Sei lá, eu tenho muita dó dos homens e mulheres que acabam morrendo em guerras que muitas vezes é apenas um jogo político e que nunca acaba bem, com nenhum "…

Chewbacca Mask Lady

Se você não viu este vídeo, está perdendo uma ótima oportunidade de rir até a barriga doer.
Pra quem teve uma semana com péssimas notícias, foi a melhor maneira de encerrar a sexta-feira.
Já assisti 5 vezes e chorei de rir todas elas, até mandei uma mensagem para a Candance dizendo que ela fez o meu dia, espero que ela leia a minha mensagem no meio de milhões outras.

Pra quem não entende muito inglês, ela foi em uma loja de departamento e comprou uma máscara do Chewbacca como presente de aniversário pra ela mesma. Ela estava gravando um vídeo ao vivo para mostrar pros amigos e família. Ela abre a máscara e experimenta. O resultado é simplesmente hilário!

Chewbacca Mask Lady

 Assistam e me digam o que acharam.

Por enquanto... tchau, querida.

Hoje acordei com a notícia de que a Dilma tinha sido afastada para que ocorrece o julgamento do impeachment dela.
Pulei da cama para ver o que estava acontecendo na televisão e aparentemente nada estava acontecendo, a Fátima Bernardes continuava com aquela ladainha dela do programa pela manhã, exatamente no momento em que a Dilma estava fazendo um pronunciamento do lado de fora do Palácio do Governo. Que porcaria.
Um passo importante para a limpeza da sujeira foi dado, mas me embrulha o estômago ver várias pessoas que foram citadas na Lava Jato fazendo parte dos novos ministérios, inclusive o Michel Temer.
As barbaridades na internet rolando soltas e em dias como hoje dou graças a Deus por não participar do facebook. Imagino a zona que deve estar por lá, mas no Twitter o pessoal estava falando muito também.
Um dos fatos que mais me indignou foram pessoas dizendo que votaram na Dilma e não no Temer. E que não se deveria votar num candidato analisando quem é o seu vice. Mas olha, eu dou…

World Lupus Day / Dia Mundial de Conscientização do Lupus

Image
Hoje é o dia mundial de conscientização do Lupus.
Nos posts sobre conscientização da Lupus 1 e 2  de anos anteriores falei um pouco sobre o que é Lupus e sobre a minha jornada vivendo como portadora da mesma.
Apesar de vários rumores - inclusive a cura por uma pesquisa da Flórida, não foi feito nenhuma descoberta significativa para a cura e novos tratamentos para a mesma.
Como paciente, a minha vida virou de ponta cabeça e agora aos poucos parece que quase tudo está voltando ao normal. Pelo menos no meu "novo normal". Alguns planos foram mudados, outros jogados no lixo, mas tudo bem. No fundo, hoje posso enxergar que muita coisa boa aconteceu na minha vida com a chegada do Lupus. Não que eu agradeça por ter uma doença crônica e incurável, mas aprendi muito sobre a vida e tenho tentando realmente viver uma vida mais leve e feliz.
Tento focar nas coisas que posso fazer, em quem posso ajudar ao invés daquilo que foi tirado de mim. Assim fica mais fácil e mais leve seguir em fr…

Quem não é bem-vindo aqui no blog

Todo mundo é bem vindo aqui no blog.
Entre, fique a vontade. Leia o que quiser, comente se quiser. Faça perguntas por email se sentir vontade também.
Porém, falta de respeito, falta de educação, discriminação, apoio à atos ilegais/ilícitos, xingamentos, palavras de baixo calão e ofensas não são e nunca serão bem-vindos aqui.
Se você comentou em algum post e o mesmo não foi aceito ou se você me enviou email e não foi respondido, pode ter certeza de que a sua mensagem caiu nesta categoria descrita aí em cima.
Ninguém é obrigado a concordar comigo - e sei que tem gente que não concorda mesmo já fui atacada publicamente em um outro blog uns tempos atrás, mas se você quiser colocar a sua opinião contrária, é muito bem vinda desde que seja feita com educação.
Se existe algo que não tolero e não suporto na internet é a agressividade e falta de respeito com o próximo, por isso o blog e o Twitter são as únicas plataformas que tenho na rede. Além de passar uma mensagem horrível de quem o faz, a…

Departures.

Image
Acabei de assistir o último episódio da série chamada Departures.

Descobri este show quando estava doente no ano de 2014 e passei horas em frente a televisão assistindo 3 amigos (um sempre escondido atrás da câmera) viajando pelo mundo a fora.
A princípio seria uma viagem de 1 ano, que se extendeu por 2, que terminou no terceiro ano. Pra quem gosta de viagem, conhecer culturas diferentes, este é o seriado imperdível.
A fotografia é simplesmente maravilhosa, feita por Andre Dupuis e te faz querer muito, muito, muito ser companheira de viagem deles ou pelo menos pegar a sua mala na primeira oportunidade e seguir rumo ao aeroporto.
O mais legal de tudo é que eles foram para lugares pouco explorados e mesmo aqueles que já são batidos em programas de viagem (eles foram ao Brasil!) mostram uma perspectiva nova do local.
A mensagem da série é para que você pegue sua mochila ou sua mala da Louis Vitton, não importa o seu estilo ou o tanto de dinheiro que tem no bolso, o mundo é muito grande e…

Adele & me - part 2

Image
Meu drama com a Adele ainda não terminou.
Acabei de me dar conta que não contei a parte mais dramática da nossa história.
Em fevereiro antes do Grammy, a Adele fez uma apresentação surpresa num pequeno teatro (capacidade 2.300 pessoas) - comparado com os grandes shows com 10, 20, 30 mil pessoas numa arena. O show foi no dia 12 de fevereiro e as pessoas só ficaram sabendo no dia 10 de fevereiro através de um email.
Nem todo mundo recebeu este email com código para entrar no site oficial para tentar comprar tickets, apenas fãs registrados no site que morasse na Califórnia. Advinha quem recebeu o tal email? EUUUU!
Quase tive um treco quando vi o email com o código de acesso e pulei de felicidades quando me dei conta que tinha me registrado duas vezes no site com emails diferentes, ou seja, teria a oportunidade de tentar com dois códigos diferentes entrar na fila pra briga dos ingressos. Este email chegou na quarta de manhã, dia 10 e a venda dos ingressos seria no dia seguinte, dia 11 ou …