Posts

Showing posts from June, 2016

50 perguntas respondidas honestamente

A Paulinha do blog Ô Essa Menina postou 50 perguntas respondidas honestamente  e resolvi entrar no jogo. Nunca respondo estes questionários, mas achei as perguntas interessantes e é sempre legal conhecer um pouco sobre quem escreve o blog. Então lá vai...

O que você está vestindo? Calça de moleton, camiseta com estrelinhas e botinha felpuda Já esteve apaixonada? Já sim!Já teve um terrivel final de relacionamento?Como diz uma piada aqui de 0 a Adele qual foi um terrível final de relacionamento, já tive um sim e foi difícil me recuperar porque gostava da pessoa e além de me trair, disse coisas horríveis pra mim Qual a sua altura?1,55m Quanto você pesa?80 e alguma coisa Tem tatuagens?Não, mas em 2007 estava quase pra fazer uma quando um amigo me desaconselhou e eu desisti. Iria fazer 3 estrelas Tem piercings?Não, só orelhas furadas Um casal perfeito?Noah e Allie do filme "Diário de uma paixão" Show favorito?Anos incríveis e Gilmore Girls Banda favorita?Brasileira: Jota Quest e i…

Difícil falar sobre "a melhor viagem da minha vida"...

Image
Seguindo os posts pergunte à Paulistana, a Mari escreveu:

"Conta para nós: de todas as viagens que você fez, qual gostou mais e por quê? Bjos!"

Sem brincadeira, acho que esta é uma das perguntas mais difíceis de responder. Estava enrolando pra escrever este post porque por alguns dias fiquei pensando na resposta e simplesmente me veio à memória pelo menos umas 10 viagens diferentes  que foram especiais pra mim e poderia considerá-las a melhor viagem da minha vida...
Porém, tive o privilégio de conhecer 2 lugares muito especiais (sei que era só uma viagem, mas vou explicar), que me trouxeram lágrimas aos olhos e fiquei simplesmente sem palavras. Estes lugares fazem parte de uma "Bucket list", ou seja, lugares que quero conhecer antes de morrer e desde que me entendo por gente sou fascinada e sonhava em colocar os pés nestes dois lugares. Então a emoção e a alegria são sempre revividos quando falo e vejo a foto destas viagens porque são muito especiais pra mim.

Grand…

Se pudesse escolher, continuaria aqui...

A Gisley fez a primeira  pergunta  no post Pergunte à Paulistana  "Se pudesse escolher um local para morar e dinheiro não fosse problema, moraria na Califórnia ou em outro estado americano?Pq?" Já me fiz esta pergunta um milhão de vezes e tanto eu como o meu marido chegamos à mesma conclusão: mesmo se o dinheiro não fosse um problema nós continuaríamos morando aqui na Califórnia. Há mais de uma razão pra isso... 1 - Gosto do clima e ajuda a minha saúde. Ok, o clima aqui não é 100%, porque ninguém merece morar num lugar que não chove por meses e o ar é seco, mas por aqui nunca é muito quente e nunca é muito frio. Tinha me esquecido como é úmido na costa leste quando fui pra New York no verão há alguns anos e dei graças a Deus quando voltei pra casa. Além disso, no inverno não temos problemas com neve e muito frio.
2 - Bom convívio com o "desastre natural" da região Sempre digo que aqui nos EUA você precisa qual desastre natural você quer enfrentar. Tem nevascas, e…

Pergunte à Paulistana.

Tenho as melhores idéias do que escrever no blog quando estou olhando para a tela do computador tentando redigir trabalhos para a faculdade.
Aí falo: "Assim que terminar isso, vou lá escrever este post no blog". E o tempo passa, ou falta.
Férias de verão chegando e vou ter muito, mas muito tempo disponível e quero fazer coisas produtivas e tentar dar uma arrumada nas coisas por aqui.
Então por favor gostaria de saber de você que chegou por aqui, se tem algo que você sempre quis saber sobre a Califórnia, EUA, lupus,cultura, inglês, São Paulo, computador, viagens, qual minha cor favorita, etc,etc, etc. Prometo responder. Tô num animo pra escrever!
Só deixar pergunta no comentário deste post!

Vivendo o que um dia sonhei.

Image
Hoje meu dia estava uma meleca (pra não dizer outra coisa).
Extremamente cansada fisicamente, emocionalmente e mentalmente tive que me arrastar da cama para estudar para as 2 provas de hoje.
Enquanto me concentrava, lembrei das outras 2 apresentações que tenho para a semana que vem mais o trabalho. No fim, tive que comer qualquer coisa que estava na geladeira. Mal tive tempo de conversar com o meu marido por telefone. Maldito fuso horário.
No caminho pra faculdade todo motorista lento resolveu dirigir à minha frente. E o calor que só aumentava o meu cansaço. Nem eu estava me suportando de tanto mal humor e dor.
Ao sair da sala de aula depois da última prova, vi que uma amiga tinha respondido uma mensagem que mandei dizendo que hoje o dia estava difícil. E a gente começou a filosofar sobre o que é realmente importante nesta vida. Fazer coisas que te deixa feliz. Ponto final. E o que me deixa feliz não é necessariamente o que te deixa feliz. Embora a gente sempre fica tentando fazer a f…