A beleza de ter um blog...

Hoje pela manhã fui dar uma olhada se tinha novidade nos blogs que acompanho com frequência e num deles tive uma surpresa maravilhosa. Uma garota que "conheço" há muitos anos, acho que lá por 2006 teve duas grandes conquintas: se formou numa faculdade americana e ficou noiva.
Até aí, tudo bem, todo mundo tem este tipo de conquista, mas a diferença é que eu não a conheço pessoalmente, mas tínhamos um blog na época em que éramos aspirantes a au pair (sim, eu sou ex-au pair) e dividimos tantas coisas juntas e sempre acompanhávamos o que acontecia na vida uma da outra. Porque eu cancelei o meu antigo blog e não tenho facebook, nós não mantemos contato, mas eu continuo lendo e torcendo por ela...
O que eu quero dizer aqui é que ter um blog é compartilhar um pouco da sua vida para pessoas que você nem conhece. Geralmente as pessoas que vão deixar alguma mensagem ou comentário tem algo bom pra dizer pra você e geralmente "te acompanha". Claro que tem também o lado ruim, de pessoas indesejadas e pobres de espírito ler o que você escreveu e te atacar, fazer fofoca, mas este não é o foco deste post e pra estas pessoas não vale a pena nem dar atenção.
O meu antigo blog está guardado no meu computador e quando releio o que escrevi, as pessoas que conheci, dá uma saudade e lamento ter parado de postar, porque muita gente ficou sem saber o que aconteceu com a minha vida.
Não sei se é so comigo que acontece isto, mas durante muito tempo você acompanha uma pessoa e aí do nada a pessoa pára de postar. Eu sinto falta. Pra falar a verdade fico até preocupada. Lembro que chorei de emoção uma vez quando uma pessoa depois de uns bons 8 meses voltou a postar no blog dela e até mesmo explicou o que tinha acontecido. Eu fiquei aliviada.
Os laços que criamos com pessoas de blog é interessante... claro que em alguns casos onde há um interesse em comum ou afinidade você se transforma amigo pessoal da pessoa, mas ler blogs pessoais é como ler um livro. E você sempre fica querendo saber o que vai acontecer com o personagem principal. E você sofre, chora, ri, se emociona...
Acho que esta é a beleza de ter um blog. Dividir a sua vida, pensamentos e emoções com pessoas desconhecidas e se tornar conhecido, companheiro de viagem.
Tenho que dizer que admiro muito as pessoas que se expõe (cara e coragem literalmente) em seus blogs. Aquelas que não apenas coloca um rosto, mas situações, emoções verdadeiras, dividem o bom e o ruim, porque afinal, embora algumas pessoas tente criar um mundo cor-de-rosa, todos nós sabemos que a vida não é perfeita para ninguém e todos tem as suas limitações, tristezas e dificuldades também.
Escolhi o semi-aninomato porque eu já fui muito machucada neste mundo virtual, mas embora não diga nome, endereço, tenha foto e conte coisas íntimas, posso afirmar que eu estou muito presente nas coisas que escrevo.

A todos que dividem um pouco de si comigo através de blogs, o meu muito obrigada. De coração.
Através deles eu encontrei pessoas incríveis, histórias fantásticas, inspiração, consolo.

Comments

  1. Ah que linda, adorei o seu post. Realmente aqui a gente acaba encontrando pessoas muito queridas, e esses laços viturais muitas vezes saem da tela, e viram laços de amizade.
    Parabéns pelo seu blog. Um beijo!

    ReplyDelete
  2. Nossa, você descreveu exatamente o que sinto em relação à blogs. Acho tão legal você ter contato com pessoas em vários cantos do mundo, que vc nunca conheceu. Para mim, essa é a parte mais legal de ter um blog. Comecei o meu blog para manter a família informada do nosso dia-a-dia aqui fora, aí fiquei noiva, o blog cresceu, tomou outra dimensão, e nesse meio tempo, fiz várias amizades virtuais. Acho isso muito bacana. Hoje, me emociono lendo os blogs de outras pessoas e fico torcendo para, quem sabe um dia, eu possa conhecer essa amizades virtuais pessoalmente :)
    Beijinhos!

    ReplyDelete
  3. Texto perfeito, é isso mesmo, só quem tem um blog sabe o sabores doces e acidos que eles nos dao...
    Eu sempre penso que enquanto houver mais doces vou continuar, se um dia deixar de me dar prazer e me dar dores eu paro, por que de dores basta a vida por si só.
    bjs

    ReplyDelete
  4. Eliana, adorei este texto!! Eu relutei muito para criar um blog, achava que era muita exposicao. Criei, e adorei!! Conheci tanta gente legal, e como vc colocou, a gente passa a ter um tipo de conexao onde vamos torcendo e vivendo cada experiencia com quem escreve!! Como vc, optei por um semi-anonimato, onde falo muito do meu dia a dia, mas tento principalmente manter a privacidade daqueles que me cercam! Bjuss

    ReplyDelete
  5. Oie!!

    Eu sei que eu ando em falta com os amigos virtuais e ate mesmo em escrever no meu blog, mas eh super verdadeiro isso que voce postou.

    Tem varias pessoas que ja conheci atravez do meu blog ao longo dos anos pelas quais tenho um carinho enorme e ficamos amigas mesmo trocando emails e tudo.

    Adorei seu post!

    bjos

    ReplyDelete
  6. Imaginei uma música linda que iria com esse post :)- não liga, sou meio assim, cinematográfica mesmo, lol!!!

    Ah, a beleza do blog.Nele já levei tapas de outro blog[ no bom sentido], injeção de ânimo, me ensinou a ver certas coisas que eu tinha como preto no branco de outras formas.

    E sim, tb já fui atacada.Faz parte, urubu e hiena tem em todo canto.Assim como vc tenho pessoas que tb moram no meu coração, embora nunca as tenha encontrado pessoalmente e pra mim, o blog ainda é uma das poucas ferramentas onde as pessoas se gostam genuinamente, onde o ataque verbal em posts não é tolerado, onde há um respeito.

    Bjos!

    ReplyDelete
  7. Oiii

    realmente ter um blog é uma experiencia incrível.
    Eu nao posso me expor muito, por motivos profissionais... Mas que me da vontade de escrever umas verdades as vezes... ah isso me dá! hahahah

    bjsss

    ReplyDelete
  8. passei pra lhe desejar uma semana cheia de coisas boas e agradecer sua atencao, obg viu!!
    bjs

    ReplyDelete
  9. Oie.. adorei seu post paulistana. E quero dizer logo que já estou de volta e tenho muita coisa pra ler no seu blog. :)

    Eu tb concordo com vc sabe.Eu passei por uma situacao muito especial em abril e eu recebi tanto carinho de gente que eu nem conhecia pelo blog sabe. Pessoas pergutando se eu precisava de ajuda, o que podiam fazer por mim. Eu fiquei realmente maravilhada.

    Bom, vou ali ler o restante dos seus posts..

    bj

    ReplyDelete

Post a Comment

Deixe seu comentário, dúvidas, sugestões ou perguntas para a Paulistana na Califórnia!
Seu comentário será lido e respondido assim que possível!
Obrigada!!

Popular posts from this blog

É legal viver ilegal nos EUA?

...

O dia que a professora de espanhol quase enfartou em classe