Golden Gate Bridge - update

Um dos posts mais visitados aqui no blog é sobre a querida Golden Gate Bridge, e não é por menos já que é uma das principais atrações da cidade de São Francisco.
Desde que escrevi o post em setembro de 2011 houveram algumas mudanças que valem a pena serem mencionadas aqui, por isto o post de update para quem está interessado em visitar este ícone da cidade.
O Visitor Center que fica antes do pedágio da ponte foi totalmente reformado e conta com uma loja de souvenirs chamado Bridge Pavillion.
Bridge Pavilion - Visitor Center
Naquela mesma parte existe um pequeno café onde você pode comprar alguns lanchinhos e água (com um preço bem salgadinho) e eles reabriram a antiga loja de souvenir, que tem um formato redondo e virou uma lanchonete que vende a famosa sopa de mariscos, o Claw Chowder dentro do pão, hotdog e salgadinhos. A vista para a ponte é maravilhosa, mas não há lugar para sentar...
Naquela mesma região há várias exposições sobre curiosidades da ponte e informações sobre a construção, como a ponte resistiria a um terremoto, etc.
Uma das exposições sobre a ponte
 O único problema é que com todas estas mudanças os espaços para estacionar ficaram mais limitados e o tempo de permanência em cada espaço é de apenas 2 horas. O tempo é suficiente se você ficar apenas naquele lado da ponte, tirar fotos, etc, mas se você quiser se aventurar para atravessar a ponte, irá gastar pelo menos 1h30min a pé, já que a extensão da ponte entre o Visitor Center e o Vista Point na parte norte é de 2.7km. (este foi o tempo que eu gastei para atravessar a ponte do Vista Point para o Visitor Center e retornar, tirando fotos e parando para descansar).

Metade da travessia...
San Francisco ao fundo...
Desde abril de 2013 o sistema de pedágio é totalmente eletrônico. Ele pode ser cobrado através de um dispositivo eletrônico chamado FasTrak, que é tipo o Sem Parar utilizado em São Paulo, ou através da leitura das placas dos carros. Para pessoas que estão aqui apenas como turistas, há diversas formas de fazer o pagamento do pedágio. Você pode entrar no site da empresa FasTrak e fazer um pagamento prévio ou até 48 horas depois de ter cruzado a ponte com cartão de crédito, ou  comparecer em postos de atendimentos espalhados pela cidade para pagamento em dinheiro mas você precisa da placa do carro, pois eles tiram uma foto da mesma para emitir posteriormente a cobrança . Há maiores informações em português AQUI do procedimento a tomar.
Vale a pena frisar que se você alugar um carro e quer atravessar a ponte é preciso conversar com a companhia qual a política para o pagamento do pedágio, já que algumas empresas possuem o dispositivo de FasTrak ou então tem as placas do carro registradas. Você pode aceitar esta opção ou pagar independente através das formas citadas acima. Tomem apenas cuidado com as famosas "taxas administrativas" pois pode encarecer e muito o passeio na ponte. Ano passado a família do meu marido estava visitando e alugamos uma van para irmos até a ponte. Esquecemos de levar o nosso dispositivo e esperamos ser cobrados pela empresa de aluguel de carro. Quase tivemos um ataque do coração quando veio a cobrança de U$31,00 ao invés do então $6,00 devido às tais taxas. Hoje o pedágio custa U$7,25. O pedágio é cobrado apenas uma vez quando se dirige em direção à San Francisco.
É sempre bom levar um agasalho já que venta bastante principalmente quando se está no meio da ponte, não se deixe enganar pelo dia lindo de Sol. Leve também água e utilize um sapato confortável, aproveite o passeio seja ele feito de carro, a pé ou de bicicleta em uma das pontes mais famosas e mais lindas do mundo!
Golden Gate Bridge & San Francisco skyline vista do Vista Point

Comments

Popular posts from this blog

É legal viver ilegal nos EUA?

...

O dia que a professora de espanhol quase enfartou em classe