O que seria de mim sem inglês?

Estou dando uma pausa numa redação que preciso entregar amanhã na faculdade para tirar a poeira do blog. Na verdade o tema da redação, comparar a língua portuguesa com a língua inglesa com suas similaridades e diferenças, trouxe uma pergunta que de vez em quando eu me pego imaginando...
O que seria da minha vida agora, se eu não tivesse aprendido inglês?
Eu estudei durante 5 anos na Wizard em São Paulo e ao contrário do que eu já ouvi por aí, posso dizer com orgulho que foi lá que aprendi o idioma. Tive ótimos professores, e aprendi muita gramática, vocabulário e pratiquei muita conversação. Quando cheguei aos EUA, claro que tive um enorme aprimoramento, principalmente na parte oral e também de compreensão.
E olha que não foi fácil, eu tinha que estudar sábado de manhã e sabádo de tarde em alguns períodos, "arruinando"o meu final de semana.
Nem preciso dizer que o esforço valeu a pena, certo? Mas quando eu imagino o que teria acontecido, ou melhor, o que não teria acontecido na minha vida se eu não tivesse começado a estudar inglês, eu fico assustada! Até mesmo a minha vida no Brasil seria diferente... vou listar as principais só para vocês terem uma idéia:
1 - Não teria encontrado o melhor emprego da minha vida no Brasil, porque foi uma colega de curso de inglês que trabalhava no RH disse que estavam precisando de estagiários na minha área.
2 - Não teria conhecido a minha melhor amiga, pois nós trabalhamos juntas no suporte técnico da empresa, eu em São Paulo e ela em Sorocaba. E quanta barra nós passamos juntas nesta vida, nos apoiando, encorajando!
3 - Não poderia vir fazer intercâmbio nos EUA, já que era exigido inglês intermediário para participar do mesmo. (Agora as coisas ficam mais interessantes...)
4 - Se não tivesse vindo aos Estados Unidos....
  • Não teria conhecido lugares que só imaginei nos meus sonhos: Hawaii, Grand Canyon, Califórnia, New York
  • Não teria conhecido pessoas dos mais diversos lugares do mundo e aprendido um pouco da cultura deles
  • Não teria a oportunidade de experimentar comidas de diferentes países e me apaixonar por novos sabores
  • Não teria me tornado uma pessoa melhor, mais tolerante, mais paciente, que respeita diferenças e mantém firme valores e convicções, mas também aprendeu a olhar o mundo e as pessoas de uma forma diferente
  • E o principal de todos: não teria conhecido e nem poderia me comunicar com o amor da minha vida, meu marido.
Escrevendo esta redação, pude perceber que a nossa vida não muda de rumo apenas porque aprendemos um novo idioma, mas que todas as nossas ações trazem consequencias e também benefícios e malefícios para nós. Alguém pode me dizer que eu poderia ter feito outras coisas melhores dos que eu fiz agora, e que nem por isto eu deixaria de ter uma vida feliz. Ou então que estava no meu destino e de uma forma ou de outra eu teria feito tudo isto. Não sei.
Só sei que sou grata a Deus pela oportunidade que tive de uma simples escolha, aprender inglês, trouxe tantas coisas boas para a minha vida e para as pessoas ao redor de mim.
Agora é fácil olhar os bons frutos que a decisão de aprender um idioma trouxe pra mim, muito mais do que vida profissional, mas para crescimento pessoal, mas quando eu passava horas naquela salinha de aula aprendendo a delíciosa (not) gramática inglesa, eu não teria idéia do quanto isto impactaria a minha vida.
E vocês, como o inglês ou outra decisão impactou de forma marcante a sua vida?

Comments

  1. Paulistana, sabe que eu fui o oposto? Nunca quis estudar ingles, odiava a lingua, e era super preconceituosa com o pais (idiotice de aborrescente) Sempre tive vontade de aprender latim, mas sempre me recusei a aprender o inlges rsrs E aprendi o inlges apenas de escola, mas vir par ao USA fez com q eu fosse capaz de conversar e trabalhar apos um mes!! Tbm tive uma decisao q mudou completamente a minha vida, q foi a de fazer minha especializacao no USA. Como comentei antes, n era um pais q estava nos meus planos visitar, por isso debati mto em vir ou n p ca, no fim, apos a especializacao recebi uma proposta de emprego, e desde entao milhoes de coisas inesperadas aconteceram na minha vida!! Bjuss

    ReplyDelete
  2. Paulistana, tem selinho para vc la no blog! Bjuss

    ReplyDelete
  3. olá Paulistana, ter estudado inglês pra mim foi TUDO. A 1ª coisa foi ter participado do experimento (intercâmbio) e fui morar onde? Yeah: New York! OMG não poderia ter sido melhor. Qdo voltei ao Br fui ser professora numa escola p/ crianças inglesas e americanas e foi uma ótima experiência. E nessa escola tb fiz amizade c/ uma americana e somos amigas até hoje. Tb foi graças ao inglês q depois de ter ficado viúva, conheci um canadense e acabei me casando lá mesmo, no Canada. Alguma coisa temos em comum né mesmo? bjão.....judy

    ReplyDelete
  4. Oi Aline!
    Eu tenho amigas que tem total aversão ao inglês. Eu não queria vir para os EUA, a minha intenção sempre foi r para o Canadá, mas surgiu a oportunidade de vir pra cá, abracei a idéia!

    Oi Judy! É a primeira vez que vejo um comentário seu aqui, obrigada pela visita! Engraçado como uma pequena decisão muda a nossa vida, hein! Histórias parecidas mesmo! Que bom que você teve um recomeço e agora está bem!

    ReplyDelete
  5. This comment has been removed by the author.

    ReplyDelete
  6. Nossa, pura verdade... eu sempre tive uma certa dificuldade, mas sempre estudei inglês e continuo estudando, lendo, pra não esquecer. Isso me proporcionou muita coisa boa, morar em NY, trabalhar na ONU, conhecer várias pessoas... Ótimo post pra incentivar as pessoas a estudar! bjs

    ReplyDelete
  7. Oi Bia! Obrigada pelo seu comentário.
    Aprender um idioma abre tantas portas para a gente, não é mesmo? E continuamos em constante aprendizado, ao contrário do que algumas pessoas imaginam. Até o meu marido aprende palavras novas comigo!
    Que bom que você teve ótimos frutos colhidos depois do seu esforço em aprender inglês!

    ReplyDelete
  8. Inglês fez muita diferença na minha vida. Conheci gente de 3 países no Brasil, ele me abriu a porta de um estágio em um curso de inglês, conheci o amor da minha vida e hj estou aqui.

    Aprender uma língua é muito mais do que saber falar mais do português, é se descobrir, se inserir num novo mundo, cultura, hábitos e experiências.

    Bjos e celebre todos os sucessos que vieram junto com o inglês.

    ReplyDelete

Post a Comment

Deixe seu comentário, dúvidas, sugestões ou perguntas para a Paulistana na Califórnia!
Seu comentário será lido e respondido assim que possível!
Obrigada!!

Popular posts from this blog

É legal viver ilegal nos EUA?

...

O dia que a professora de espanhol quase enfartou em classe